Netflix fecha acordo com Sony Pictures para exibir Homem-Aranha e outros filmes do estúdio

Nesta quinta-feira (08), a Sony Pictures divulgou ao público que firmou um acordo com a Netflix para lançar os próximos filmes do estúdio na plataforma de streaming.

O acordo prevê que a Netflix vai ser a primeira e única plataforma de streaming a adquirir os direitos para exibir os próximos filmes da Sony durante os primeiros meses após o lançamento nos cinemas.

A Sony já até divulgou alguns títulos já confirmados para o acordo, inclusive filmes de personagens da Marvel Comics. Dentre os filmes confirmados, podemos destacar Morbius e Uncharted que devem chegar à plataforma em 2022.

Assim, acordo também garante que os próximos filmes das franquias Venom e Homem-Aranha, inclusive a continuação de Aranhaverso, cheguem ao catálogo da Netflix.

O que é uma grande surpresa, já que, por exemplo, o Homem-Aranha de Tom Holland faz parte do MCU (Universo Cinematográfico da Marvel), cujos filmes só estão disponíveis na plataforma Disney Plus.

A parceria entre as duas empresas também garante que a Netflix seja a primeira plataforma a ficar sabendo da produção de novos filmes da Sony. Dessa forma, a Netflix vai ter a liberdade de escolher se ela vai trazer ou não os próximos títulos do estúdio ao seu catálogo.

Além disso, a Netflix também se comprometeu a produzir alguns dos próximos filmes da Sony como parte do acordo. Esses filmes, é claro, além de chegarem diretamente ao catálogo da empresa, também receberão um lançamento nos cinemas pela Sony.

É claro que a Netflix também vai poder escolher a dedo qualquer título da lista de filmes já lançados pela Sony Pictures para trazer ao seu catálogo. O acordo entre as duas empresas vai começar, oficialmente, a partir de 2022 e deve durar cerca de cinco anos.

Acordo com a Sony é mais uma estratégia da Netflix para competir no mercado

Não é nenhuma novidade que a Netflix está investindo pesado para se manter a líder do mercado de streaming. Apesar de não sabermos o quanto a empresa investiu nesse acordo com a Sony Pictures, podemos estipular, facilmente, um valor na casa das centenas de milhões de dólares.

Isso porque o acordo só prevê que a Sony vai dar prioridade para a Netflix comprar os direitos de seus filmes nos próximos anos. Ou seja, a Netflix ainda vai ter que desembolsar uma boa grana para comprar os títulos do estúdio.

Inclusive, é muito provável que os títulos mais antigos da Sony Pictures ainda apareçam nos catálogos de outros serviços de streaming. Já que dificilmente a Netflix vai comprar todos os filmes da empresa.

Além disso, o acordo também dita que a Netflix vai ser obrigada a produzir alguns dos próximos projetos da Sony Pictures. Aumentando ainda mais o valor total do investimento.

Netflix investe pesado, mas vale a pena

Homem-Aranha, Jumanji e Bad Boys são uns dos destaques da Sony para o catálogo da Netflix
Homem-Aranha, Jumanji e Bad Boys são uns dos destaques da Sony para o catálogo da Netflix (Imagem:Reprodução/Sony Pictures)

A Netflix está investindo pesado para turbinar o seu catálogo para concorrer com seus adversários no mercado. Afinal, a Netflix, no momento, ainda não possui nenhum título de peso para bater de frente com as novidades da concorrência, como, por exemplo, a série de O Senhor dos Anéis da Amazon e as séries do MCU da Disney Plus.

Entretanto, com a nova parceria com a Sony, o catálogo da Netflix vai ganhar o reforço que tanto precisava. Apesar de não ser um “Star Wars” da vida, a franquia de filmes do Homem-Aranha ainda é forte o suficiente para atrair muitas assinaturas.

Sem contar, é claro, oos outros grandes títulos da Sony, como Jumanji, Venom, Os Caça Fantasmas e Bad Boys. Além dos futuros lançamentos como “Bullet Train” (estrelando Brad Pitt) e Where The Crawdads Sing.

O acordo com a Sony Pictures não é o único investimento gigantesco que a Netflix fez esse ano. Recentemente, a plataforma comprou os direitos para produzir as continuações do filme “Entre Facas e Segredos“, chegando a gastar quase meio bilhão de dólares nessa brincadeira.

Com isso, a Netflix procura se manter a líder absoluta do mercado de streaming por mais uns bons anos pela frente.

Quer ficar por dentro de todas as novidades do mundo da tecnologia e do entretenimento? Então nos siga no Twitter e não perca mais nenhuma postagem da equipe do Tech News Brasil!

Fonte: IndieWire e The Wall Street Journal

Avatar
Redator da WebGo Content. Apaixonado por livros, jogos online, One Piece e cães.

Deixe seu comentário

2 + dez =