Amber Heard acusa Johnny Depp de violência sexual em novo julgamento

Em novo julgamento movido pelo ator Johnny Depp, sua ex-esposa Amber Heard relata episódio de violência sexual que ocorreu na Austrália.

Desde a tarde de ontem (12), um dos assuntos mais frequentes quando o tema é mundo dos famosos é o novo entrave judicial que envolve o ator Johnny Depp  (Piratas do Caribe; Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald) e Amber Heard, sua ex-esposa. O processo, movido inicialmente por Deppteve suas audiências judiciais iniciadas ainda ontem, com a presença dos dois atores.

[Alerta de gatilho: as informações relatadas a seguir podem ter detalhes sensíveis para pessoas que já vivenciaram episódios de violência e/ou abuso].

Entre os fatos relatados durante a primeira sessão de julgamento, a advogada de Amber Heard cita as inúmeras vezes em que Depp agredia sua ex-esposa após o uso de álcool e drogas. A representante da atriz anda informou que desde o início da relação, Amber sofria com as ações violentas de Depp – como ocorreu nos inúmeros casos onde ela foi agredida por questionar uma tatuagem do ator.

A revelação mais chocante, contudo, se deu quando a advogada citou os abusos cometidos em uma viagem para a Austrália em 2016, quando Johnny Depp consumiu comprimidos de ecstasy e, fora de si, arrancou a camisola de sua ex-esposa, a arrastou pelo chão e a chutou por repetidas vezes. “Então ele a penetrou com uma garrafa de licor – é sobre esse Johnny Depp que vocês irão ouvir nesse caso“, concluiu a advogada da atriz.

Amber Heard acusa Johnny Depp de violência sexual em novo julgamento
Johnny Depp é acusado de violência sexual em nova disputa judicial (Imagem: Reprodução/VEJA).

O caso jurídico em questão foi aberto após o ator ter perdido um processo contra o tabloide britânico The Sun, que se referiu a Johnny Depp como “espancador de esposas”. No julgamento em questão, o veredito concluiu que a maior parte dos abusos relatados por Amber Heard são factualmente evidentes, o que fez com que o ator saísse sem vitórias do tribunal.

Já nesse caso,  Depp processa Amber Heard por um artigo escrito para um jornal norte-americano, onde ela cita ter sido vítima de violência sexual. Mesmo que o nome do ator não tenha sido citado pela publicação, ele entrou na justiça pedindo a indenização de US$50 milhões pelos danos. Em resposta, Amber dobrou a solicitação e pediu US$100 milhões caso comprove, novamente, seu lado da história.

CONFIRA Também:
Brian Cox recusou papel em “Piratas do Caribe” por achar Johnny Depp “exagerado” e “superestimado”

Previsto para se desenrolar por semanas, o caso em questão ainda irá contar com os testemunhos de pessoas convidadas por ambas as partes. Informações adicionais sobre o processo, portanto, devem ser divulgados durante os próximos dias. Para ficar por dentro de tudo, fiquem sempre ligados aqui no Sobre Sagas!

Arquiteto e Urbanista aficionado por Cenografia e Cinema. Criador de conteúdo da área desde 2013 e apaixonado por adaptações cinematográficas, especialmente de fantasia.
FacebookInstagramLinkedin

Deixe seu comentário