Falcão e o Soldado Invernal | Todas as referências do terceiro episódio

O terceiro episódio da série Falcão e o Soldado Invernal chegou ao Disney Plus na última sexta-feira (02) e está lotado de referências das HQs e Easter Eggs que expandem ainda mais a história do MCU (Universo Cinematográfico da Marvel).

Se você não entendeu as referências, ou por acaso perdeu alguma, não se preocupe: a equipe do Tech News separou todos os Easter Eggs do terceiro episódio para você, confira!

Vale lembrar que este artigo contém spoilers do terceiro episódio da série Falcão e o Soldado Invernal, que já está disponível no Disney Plus.

Falcão e o Soldado Invernal – Todas as referências do terceiro episódio

Entre os Easter Eggs do terceiro episódio intitulado “Mercador do Poder”, podemos destacar, por exemplo, diversas referências aos X-men. Ou seja, é bem provável que os mutantes cheguem ao MCU mais cedo do que o previsto. Confira as referências

Madripoor

Madripoor é uma famosa localização das HQs dos X-men
(Imagem: Reprodução/Marvel/Disney+)

Primeiramente, vamos começar com a maior referência do episódio: a cidade fictícia de Madripoor. Durante o episódio, o Barão Zemo leva Sam e Bucky até essa cidade para rastrear a origem do soro do super soldado que os Apátridas roubaram.

Se você não é um leitor ávido das HQs dos X-men, essa referência pode ter facilmente passado batido por você. Nas HQs, Madripoor serve de palco para quase todas as aventuras solo do Wolverine durante as décadas de 80 e 90.

Assim como na série, nas HQs a ilha é dividida em duas partes: A Cidade Alta, que é extremamente rica e influente, e a Cidade Baixa, marcada pela pobreza. Como consequência dessa desigualdade, Madripoor se tornou um paraíso para piratas, criminosos e traficantes.

Nas HQs, Wolverine atua na cidade sobre o disfarce de “Caolho”, que não é um disfarce muito bem feito, e sim um simples tapa-olho que ele usa como “máscara”. Dessa forma, o Caolho frequentemente combate o crime de Madripoor e até ajudou a derrubar o senhor do crime que comandava a cidade.

Bar da Princesa

Bar da Princesa - Falcão e o Soldado Invernal
Placa do Bar da Princesa, o favorito do Wolverine (Imagem: Reprodução/Marvel/Disney+)

Outra referência da cidade de Madripoor que também faz alusão às HQs é o Bar da Princesa, mais conhecido como o bar favorito de Wolverine.

O bar, localizado na Cidade Baixa de Madripoor, e é um local infestado de criminosos da pior espécie e agentes do submundo do crime da cidade. Ou seja, é o local perfeito para Sam e Bucky encontrarem informações sobre o soro de super soldado.

Já nas HQs, devido à natureza violenta de seus frequentadores, o bar é o local perfeito para Wolverine fazer o que mais gosta: encher a cara e descontar sua raiva nos bandidos locais.

Zemo tenta ativar o Soldado Invernal

Bucky e Zemo na prisão
Zemo tenta ativar o Soldado Invernal (Imagem:Reprodução/Marvel/Disney+)

Logo no inicio do episódio, assim que Bucky vai visitar o vilão de Guerra Civil atrás de informações do soro de super soldado, Zemo inicia a conversa com as seguintes palavras: Saudade, enferrujado, dezessete, amanhecer, forno, nove, benigno, retorno, um, vagão de carga.

Se você não entendeu a referência, essas são as palavras usadas para ativar o controle mental de Bucky, que o transforma no Soldado Invernal. É claro que as palavras não funcionam mais, mas Zemo percebe que ainda existem traços do controle mental da HYDRA dentro de Bucky.

Dr. Wilfred Nagel

Dr. Wilfred Nagel
Dr. Wilfred Nagel (Imagem:Reprodução/Marvel/Disney+)

Outra referência que pode ter passado reto é o nome do cientista responsável por recriar a fórmula do soro de super soldado. Na série, o soro é recriado pelo Dr. Wilfred Nagel, que, empregado pelo Mercador do Poder, conseguiu recriar a fórmula do Dr. Erskine usando amostras do sangue de Isaiah Bradley.

Já nas HQs, o Dr. Wilfred Nagel apareceu somente na série de 7 volumes chamada Verdade – Vermelha, Branca e Negra. Ao contrário da série, sua história nas HQs é bem mais sinistra, pois, para recriar o soro de Erskine, o Dr. Nagel usou cerca de 300 soldados afro-americanos como experimentos vivos para os seus testes.

Desses soldados apenas 5 sobreviveram aos experimentos macabros, e um deles se tornou o primeiro Capitão América negro da história.

Mercador do Poder

Mercador do Poder na série Falcão e o Soldado Invernal
Construção com os dizeres “O Mercador do Poder está observando” na parede (Imagem: Reprodução/ Marvel | Disney Plus)

Na série, o Mercador do Poder comanda toda a cidade de Madripoor e seu submundo de crimes. Além disso, ele é o responsável por financiar a pesquisa do Dr. Wilfred Nagel de reproduzir o soro de super soldado.

Assim como na série, nas HQs o Mercador do Poder produz o soro de super soldado e o distribui para qualquer um que possa pagar.

Por causa de suas ações, o Mercador do Poder chamou a atenção dos Vingadores e se tornou um dos vilões mais interessantes das HQs da Marvel.

Tigre Sorridente

Sam disfarçado como Tigre Sorridente ao lado do Barão Zemo
Sam disfarçado como Tigre Sorridente (Imagem:Reprodução/Marvel/Disney+)

Quando Sam e Bucky estão em Madripoor, Zemo sugere para que os heróis se disfarcem para se infiltrarem no submundo da cidade. Para isso, Bucky finge ser novamente o Soldado Invernal, já Sam assume a personalidade do Tigre Sorridente, uma figura influente em Madripoor.

Entretanto, o que pode ter passado batido é que o Tigre Sorridente é também um personagem nas HQs, um bem desconhecido por sinal.

Nos quadrinhos, o Tigre Sorridente fez sua primeira aparição no volume 19 da série New Warrios lançada em 1992. Seu nome verdadeiro é Conrad Mack, e ele é uma espécie de híbrido entre homem e tigre.

Conrad aprendeu a lutar graças ao seu pai, um veterano da Guerra do Vietnã. Além disso, por ser um híbrido, ele possuí uma pelagem amarela espalhada por todo o corpo, e ganhou o apelido de Tigre Sorridente pelo fato dele sempre matar com um sorriso no rosto.

Durante a Guerra Civil nas HQs, o personagem se juntou a um grupo de heróis chamado Thunderbolt, que é composto por vilões que se reformaram e querem fazer o bem.

Ayo, das Dora Milaje, aparece

Encontro entre Ayo e Soldado Invernal
Encontro entre Ayo e Soldado Invernal (Imagem: Reprodução/Marvel | DIsney Plus)

Durante o desfecho do terceiro episódio, Bucky encontra ninguém menos que Ayo, a segunda em comando das Dora Milaje, um grupo de guerreiras de elite de Wakanda responsáveis pela segurança do rei.

A presença de Ayo é bem preocupante para os heróis. Isso porque Ayo está atrás do Barão Zemo, que é fundamental para a missão dos heróis de parar os Apátridas. A intenção de Ayo é bem clara: levar Zemo à justiça por ter assassinado T’Chaka, o rei de Wakanda, durante os eventos de Guerra Civil.

Entretanto, ainda não sabemos se ela vai se juntar aos heróis temporariamente para derrotar os Apátridas ou se ela vai lutar contra eles como inimigos de Wakanda por ajudar o vilão.

Hit-Monkey, o macaco assassino

Símbolo de Hit-Monkey, o macaco assassino das HQs da Marvel
(Imagem: Reprodução/Marvel/Disney+)

Talvez a referência mais sutil do episódio é o símbolo de um macaco raivoso que apareceu na sequência de Madripoor.

Apesar de parecer só um detalhe de fundo, o símbolo faz referência a um vilão das HQs chamado Hit-Monkey, o Macaco Assassino. Apesar de ser, literalmente, um macaco treinado, Hit-Monkey se tornou um dos melhores assassinos das HQs, e precisou da cooperação de Deadpool e do Homem Aranha para derrotá-lo.

Sua origem, como esperado, é bem tosca: sua tribo de macacos acolheu um famoso assassino de aluguel à beira da morte. Enquanto esse assassino se recuperava, o mesmo praticava movimentos de artes marciais para não perder a forma.

Hit-Monkey, sempre suspeitando desse homem, estava observando os seus movimentos a todo momento. Dessa forma, ele aprendeu todos os truques do assassino e se tornou extremamente habilidoso.

Entretanto, um grupo de mercenários encontrou o assassino e a sua tribo de macacos, matando todos no processo. Jurando vingança, Hit-Monkey usa todas suas habilidades recém-aprendidas para punir todos os assassinos do mundo.

Falcão e o Soldado Invernal

Esses foram todos as referências e Easter Eggs que encontramos no terceiro episódio da série Falcão e o Soldado Invernal.

Mas, e ai, encontrou mais alguma referência que não achamos? Pois conta para a gente ai nos comentários!

Quer ficar por dentro de todas as novidades do mundo da tecnologia e do entretenimento? Então nos siga no Twitter e não perca mais nenhuma postagem da equipe do Tech News Brasil!

Todas as informações desse texto foram retiradas do episódio 3 da série Falcão e o Soldado Invernal exclusiva da Disney+ e da Marvel Fandom.

Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.

Deixe seu comentário

12 + 17 =