Falcão e o Soldado Invernal | Tudo sobre os Apátridas e sua líder

O primeiro episódio da tão aguardada série “Falcão e o Soldado Invernal” estreou nesta sexta-feira (19) no Disney +.  Durante o episódio, vemos o retorno das clássicas cenas de ação e investigação que os fãs já estão acostumados a ver em outras produções do Universo Cinematográfico da Marvel (MCU), mas principalmente nos filmes do Capitão América.

Além disso, podemos ver as primeiras aparições dos vilões da série. Entre eles, vemos o grupo terrorista dos Apátridas, que vão dividir o palco junto com outros vilões, como o Barão Zemo, na hora de causar estrago e atormentar os protagonistas.

Mas, afinal, quem são os Apátridas? Quais sãos os seus objetivos? Confira a seguir tudo sobre o grupo terrorista da série Falcão e o Soldado Invernal.

Se você quiser relembrar tudo o que aconteceu no primeiro episódio, a equipe do Tech News Brasil já fez uma matéria completa com todos os acontecimentos do episódio, confira aqui!

Falcão e o Soldado Invernal Apátridas símbolo
Símbolo dos Apátridas (Imagem: Reprodução/Marvel)

Falcão e o Soldado Invernal: Quem são os Apátridas?

Os Apátridas são um grupo terrorista que luta para ter um mundo unificado, sem fronteiras e nações, totalmente oposto a ideais nacionalistas. Ou seja, o grupo é o completo oposto de tudo o que o Capitão América representa.

Os Apátridas foram mencionados durante o primeiro episódio da série pelo colega de trabalho de Sam Wilson, o Tenente Torres, após uma missão na Tunísia. Assim, Torres comenta com o seu colega que ele está espionando um grupo terrorista chamado Apátridas.

De acordo com o tenente, os Apátridas acreditam que o mundo estava bem melhor após o estalo do Thanos, que matou 50% da população do universo. O grupo começou a agir após o “Blip”, o estalo reverso que os Vingadores criaram para trazer de volta todas as pessoas que sumiram 5 anos após a vitória de Thanos.

Durante o episódio, podemos ver na cena de assalto a um banco Suíço que o grupo contém integrantes que possuem superforça e reflexos. Dessa forma, podemos supor que os Apátridas tiveram acesso ao soro de super soldado que o Steve Rogers tomou, elevando o nível de ameaça da organização.

O grupo é liderado pela personagem Karli Morgenthau, que fez uma breve aparição durante o primeiro episódio. A série não revelou muitas informações sobre ela. Devemos aguardar pelos próximos episódios para sabermos mais sobre a sua história e seus planos com os Apátridas.

A série vai revelar mais informações sobre os Apátridas e sua líder, Karli Morgenthau  nos próximos episódios. Fique atento, pois a equipe do Tech News vai trazer todas as informações dos próximos episódios em primeira mão para você.

Apátrida nos quadrinhos

A série Falcão e o Soldado Invernal fez diversas alterações para adaptar os Apátridas dos quadrinhos para a tela. A maior delas, com certeza, é de que nos quadrinhos, o Apátrida é um homem chamado Karl Morgenthau.

Nas HQS, o Apátrida é um dos principais inimigos do Capitão América. Ele apareceu pela primeira vez em 1985 na revista n° 322 do Capitão América, publicada por Mark Gruenwald e Paul Neary .

Apátrida nos Quadrinhos
Apátrida possui uma clava com espinhos nas HQS (Imagem: Reprodução/Marvel)

A origem do Apátrida é um tanto trágica e explica as suas motivações. Karl é filho de um filantrópico banqueiro e diplomata Suíço que foi assassinado ao lado de fora da embaixada de Latvéria, país fictício no universo Marvel onde o Doutor Destino é o presidente.

Motivado pelo assassinato do pai, Karl percebe que a diplomacia não vai trazer paz, e resolve tomar ações mais violentas para combater as injustiças. Sua filosofia é de que a paz só pode existir quando todas as nações do mundo deixarem de existir.

Além disso, nas HQS o Apátrida é líder de uma organização terrorista chamada U.L.T.I.M.A.T.U.M (Exército Subterrâneo Liberal Móvel Totalmente Integrado Para Unir a Humanidade em português), que possui quase a mesma agenda proposta pela organização dos Apátridas da série. Ou seja, atentados terroristas contra governos e instituições nacionalistas, assalto a bancos, assassinatos políticos, etc.

Assim, podemos ver as semelhanças das filosofias do Apátrida das HQS com o grupo dos Apátridas na série.

Além disso, podemos esperar uma história de origem mais séria, que vai gerar discussões bem atuais sobre os Apátridas e suas motivações graças ao contexto de medo e instabilidade gerados pelo “Blip”, que é bem parecido com o contexto de pandemia do Coronavírus do mundo real.

Quer ficar por dentro de todas as novidades do mundo da tecnologia e do entretenimento? Então nos siga no Twitter e não perca mais nenhuma postagem da equipe do Tech News Brasil!

Fonte: ComicBook.com

Avatar
Redator da WebGo Content. Apaixonado por livros, jogos online, One Piece e cães.

Deixe seu comentário

dezoito − dezesseis =