For Life | Conheça a história real que inspirou a série da Netflix

Atualmente, a série For Life, da ABC, está fazendo bastante sucesso na Netflix. Mas você sabia que For Life é inspirada em uma história real?

À esquerda, o ator Nicholas Pinnock como Aaron Wallace na série For Life; à direita, Isaac Wright Jr., o ex-detento que inspirou a trama (Imagem: Divulgação/ABC)

Lançada em 2020, a série For Life está atualmente no Top 10 de títulos mais assistidos no Brasil da Netflix. Porém, nem todo mundo que assiste a For Life sabe que a série é, na verdade, inspirada em uma história real.

Se você assistiu recentemente à série For Life e quer conhecer um pouco mais sobre a história real que serviu de inspiração para a trama, continue lendo esta matéria original do Tech News Brasil!

Sobre a série For Life

A série For Life, produzida pela ABC e distribuída no Brasil atualmente pela Netflix, gira em torno de Aaron Wallace (Nicholas Pinnock), um homem negro que é condenado injustamente a prisão perpétua por um crime que não cometeu.

Enquanto está na prisão, Wallace estuda para se tornar advogado e passa a trabalhar exaustivamente a fim de comprovar sua inocência enquanto expõem as falhas do sistema judiciário e penal dos Estados Unidos da América.

Atualmente, apenas a primeira temporada está disponível na Netflix, com 13 episódios ao todo. Uma segunda temporada já foi produzida e exibida pela ABC, mas ainda não chegou ao catálogo do serviço de streaming no Brasil. Infelizmente, após a segunda temporada, a ABC resolveu cancelar a produção da série para a infelicidade dos fãs, mas falaremos disso mais a fundo futuramente em outra matéria do Tech News Brasil.

Leia também:
A Barraca do Beijo 3 | Entenda o final polêmico do filme

For Life é inspirada em uma história real?

À esquerda, o ator Nicholas Pinnock como Aaron Wallace na série For Life; à direita, Isaac Wright Jr., o ex-detento que inspirou a trama (Imagem: Divulgação/ABC)
À esquerda, o ator Nicholas Pinnock como Aaron Wallace na série For Life; à direita, Isaac Wright Jr., o ex-detento que inspirou a trama (Imagem: Divulgação/ABC)

A resposta mais curta e direita é: sim, mas não 100%. Como toda produção inspirada em fatos reais, a trama de For Life parte de uma história real, mas inclui diversos acontecimentos ficcionais que ajudam a movimentar a trama e a manter o telespectador empolgado.

A série For Life é inspirada na história real de Isaac Wright Jr., um cidadão afro-americano que foi injustamente condenado em 1989 a prisão perpétua por tráfico de cocaína. Em 1991, Wright foi transferido para a Prisão Estadual de Segurança Máxima de Nova Jersey, em Trenton, onde ele começou a estudar e a atuar como advogado, defendendo outros prisioneiros injustamente condenados — e dando conta de libertar mais de 20 deles da prisão.

Nesse meio tempo, enquanto lutava contra o sistema penal americano, ele foi capaz de provar sua inocência. Em 1996, com a ajuda de seu advogado, Wright conseguiu sair da prisão, sob fiança, após conseguir convocar uma audiência para reverter sua condenação, o que aconteceu totalmente apenas em dezembro de 1997.

Após a saída da prisão, Isaac graduou-se em Serviços Humanitários pela Thomas Edison State University e, posteriormente, ganhou um título de Juris Doctor da Escola de Direito da Universidade de St. Thomas, sendo posteriormente aceito na Ordem dos Advogados de Nova Jersey, em 2008, mas só conseguindo o direito de exercer a advocacia no estado apenas no ano de 2017.

Um detalhe muito interessante é o de que Isaac Wright Jr. faz parte da produção executiva da série For Life, garantindo a ela uma fidelidade ainda maior aos eventos reais de sua vida.

Diferenças entre a série e a história de Wright Jr.

Porém, como toda produção inspirada em fatos reais, a trama de For Life tem algumas particularidades que foram criadas exclusivamente para a série, não tendo acontecido de verdade na vida de Isaac Wright Jr.

Vamos citar dois exemplos. Primeiro: Isaac Wright Jr. não chegou a participar de uma tentativa de rebelião no presídio, como acontece na série com o protagonista Aaron Wallace, que se junta ao detento Cassius, interpretado pelo rapper americano 50 Cent (que também faz parte da produção executiva da série). Em segundo lugar, na série, Aaron Wallace é o proprietário de um clube noturno, algo que também é diferente em relação à vida real de Isaac Wright Jr., que não era dono de um club, e sim produtor musical.

Além disso, vários outros aspectos do filme foram deliberadamente alterados pelo criador da série, Hank Steinberg, com o intuito de adaptar a trama para os dias de hoje. Afinal, o mundo mudou bastante da década de 90 para cá, embora o sistema penal (e não apenas o americano) até hoje seja frequentemente falho e tendencioso.

Gostou dessa matéria? Pois aproveite e confira também:
5 motivos para assistir ao filme “Somos Todos Iguais” na Netflix

Editor, redator e revisor da WebGo Content, graduado em Letras – Português/Inglês. Tem experiência com redação e revisão de textos para Web. Apaixonado por poesia, literatura, games, tecnologia e gatos.
FacebookLinkedin

Deixe seu comentário

19 − 1 =