Google esclarece acesos de terceiros aos e-mails do Gmail

Google esclarece acesos de terceiros aos e-mails do Gmail

Após a matéria divulgada no último dia 02 de julho, pelo The Wall Street Journal relatando que os desenvolvedores de software e aplicativos analisam informações para personalizar propagandas através da sua conta do Gmail, o Google publicou ontem, dia 03 de julho, um comunicado em seu blog, onde esclarece como funciona a permissão para desenvolvedores acessarem o conteúdo de suas mensagens do Gmail.

O comunicado foi assinado pela diretora da divisão de segurança, confiança e privacidade do Google Cloud, Suzanne Frey, que confirmou quanto ao Google esta possibilitando que aplicativos de outros desenvolvedores se integrem ao Gmail, através de acesso aos conteúdos de e-mail. No entanto, esta integração que garante acesso ao conteúdo, precisa de autorização previa do usuário.

Antes que um aplicativo que não seja do Google possa acessar os dados do usuário, é mostrada uma tela de permissões que mostra os tipos de dados que o aplicativo pode acessar e como ele pode usar esses dados.

Ainda de acordo com o comunicado, o Google trabalha continuamente para avaliar os desenvolvedores e seus aplicativos que se integram ao Gmail antes de abri-los para acesso geral, e oferecem aos administradores empresariais e aos consumidores individuais transparência e controle sobre como seus dados são usados.

O Google garante segurança e privacidade no Gmail

O Google ressalta que “antes que um aplicativo publicado, que não seja do Google, possa acessar suas mensagens do Gmail, ele passa por um processo de revisão em várias etapas que inclui análise manual e automatizada do desenvolvedor, avaliação da política de privacidade e página inicial do aplicativo para garantir que ele seja legítimo e testes no aplicativo para garantir que o aplicativo funcione como diz”.

Os aplicativos ainda precisam atender a dois requisitos principais para passarem pelo processo de análise do Google e serem aprovados.

  1. Os aplicativos devem ser claros sobre como estão usando seus dados.
  2. Os aplicativos devem solicitar apenas os dados de que precisam para sua função específica.

Após os aplicativos receberem a permissão, o Google mantem continuas avaliações, com objetivo de garantir os mesmos continuem atendendo as políticas daquela companhia, e para os casos onde descumpra a regra o Google suspende a permissão.

A empresa recomenda que os usuários avaliem as permissões antes de conceder acesso. Os usuários podem ainda visualizar todos os aplicativos que têm acesso a seus dados e revogar as permissões concedidas a aplicativos, através de uma verificação de segurança.

O Google afirma ainda que não processam conteúdo de e-mail para vincular anúncios, e que os  anúncios exibidos no Gmail do consumidor não são baseados no conteúdo de e-mails, sendo assim os usuários podem ajustar suas configurações de anúncios a qualquer momento.

Fonte: Google

Google esclarece acesos de terceiros aos e-mails do Gmail
Avalie esse artigo!

Deixe uma resposta

Fechar Menu