Conheça a história real que inspirou o filme ’90 minutos no paraíso’

O filme '90 Minutos no Paraíso', disponível no catálogo Netflix, é baseado em uma história REAL! Conheça a história nesta matéria.

O filme ’90 Minutos no Paraíso’ é um dos melhores títulos disponíveis no catálogo da Netflix para quem quer renovar a fé. A produção é baseada em uma história que realmente aconteceu, o que a torna ainda mais atrativa para os fãs da plataforma de streaming.

Nesta matéria do Tech News Brasil, você conhece um pouco mais do filme gospel da Netflix e conhece a história real que inspirou 90 Minutos no Paraíso. Confira!

Sobre o filme 90 Minutos no Paraíso

O filme do catálogo da Netflix que é uma ótima opção gospel foi dirigido por Michael Polish e lançado no dia 6 de janeiro de 2016. A produção é baseada em um livro que conta uma história real, como já mencionamos anteriormente, e teve seu roteiro estruturado por Michael Polish e pela pessoa que viveu na pele a história narrada, Don Piper.

A trama se passa em 1989 e acompanha Don Piper que, a caminho de uma conferência, em uma viagem a negócios no Texas, sofre um grave acidente de carro. No momento em que os paramédicos chegam ao local do acidente, declaram que Don está morto. No entanto, quase uma hora depois, Don Piper misteriosamente recupera os sinais vitais. Ao acordar, ele alega que passou os últimos 90 minutos visitando o Paraíso.

A partir disso, muitas mudanças começam a acontecer na vida de Piper, inclusive uma intensa transformação.

Confira também:
Alerta Vermelho estreou na Netflix! Veja tudo o que você precisa saber sobre o filme! (Sem spoilers)

Conheça a história real que inspirou o longa metragem da Netflix

História real que inspirou '90 Minutos no Paraíso'
Cena do filme gospel da Netflix ’90 Minutos no Paraíso’ (Imagem: Divulgação/Netflix)

90 Minutos no Paraíso é uma produção cinematográfica que se baseia no best seller de mesmo nome de Don Piper. Os fatos aconteceram em janeiro de 1989, quando o pastor estava voltando de uma conferência da Igreja, quando um caminhão em bateu em seu carro e o esmagou. Assim como é narrado no longa metragem, os paramédicos declararam a morte de Piper.

O primeiro paramédico que verificou seus sinais vitais fez essa afirmação. Em seguida, três conjuntos de paramédicos averiguaram e confirmaram a morte de Piper. Diante disso, durante 90 minutos seu corpo esteve coberto por uma lona, seguindo o protocolo das atividades desses profissionais.

Durante 90 minutos de inconsciência, com seu corpo físico morto, a alma de Don Piper visitava o Paraíso, experimentando o amor e a alegria como nunca teria feito antes. Enquanto isso, outro pastor chamado Dick Onarecker, que estava voltando da conferência para a qual Piper deveria ir, chegou ao local e começou a fazer uma oração pela alma de Piper.

Quando esses 90 minutos se passaram, o coração de Piper começou a bater novamente e ele despertou, como se estivesse acordando de um sonho cheio de paz. Logo que retomou a consciência, começou a cantar, em tom baixo, com o pastor que conversava com Deus, para que sua alma descansasse em paz.

Acontece que, embora a experiência de Piper tivesse sido uma das mais belas (e também uma das mais raras) que o ser humano pode viver, o pastor não acordou muito satisfeito. Ao contrário, Piper foi tomado por uma dor que abalou sua fé, fazendo com que ele se distanciasse de Deus. Afinal de contas, ele esteve no Paraíso e foi obrigado a voltar à vida na Terra, para um corpo físico que estava gravemente ferido.

Diante disso, os meses que se seguiram foram de intensa dor para Piper, pois estava frustrado por aquilo que “havia perdido” — no caso, o Paraíso. Quem foi seu mentor ao longo do processo foi Jay B. Perkins, um homem de 80 anos, que ajudou Piper a caminhar novamente rumo à fé.

Assim como é mostrado no filme, Eva, a esposa de Piper, também se abalou com a notícia da morte do marido, já que ela deveria ter ido à conferência, porém foi impossibilitada por uma situação no trabalho. Ela também sentiu bastante o sofrimento de Don por não ter permanecido no lugar que visitou.

Gostou de conhecer a história real que inspirou o filme 90 Minutos no Paraíso, disponível no catálogo da Netflix? Pois confira também:
Vale a pena assistir o dorama ‘Velha é a Vovozinha’ na Netflix? Confira nosso veredito!

Graduanda em Comunicação Organizacional na UTFPR, com experiência na área de Gestão de Pessoas e em Marketing Digital. Amante de filmes de ação com protagonização feminina e fã de café à meia-noite.

Deixe seu comentário

17 + 17 =