Killing Eve | Conheça TODOS os detalhes sobre a série que está na GloboPlay

A série britânica Killing Eve, atualmente disponível no Globoplay, vem desde 2018 conquistando cada vez mais fãs e sendo aclamada pela crítica especializada. A série traz Sandra Oh, a eterna Cristina Yang de Grey’s Anatomy, ao lado de Jodie Comer, que ganhou os holofotes pelo seu papel na série, como protagonistas.

O seriado é uma criação e produção de Phoebe Waller-Bridge, responsável também pelo grande sucesso Fleabag. Porém, Killing Eve se distancia bastante do anterior sucesso da produtora: a série foca na intensa relação entre uma detetive e uma serial killer.

De início, o foco da trama pode parecer um pouco saturado, já que existem muitos outros conteúdos que partem dessa mesma premissa. Entretanto, Waller-Bridge é o grande diferencial dessa produção. Ela traz para o enredo o seu humor ácido, já característico, e mistura comédia com suspense.

Além disso, a roteirista ainda aborda a estranha possibilidade de uma relação amorosa entre as duas personagens principais da série. Portanto, Killing Eve ultrapassa a simples história de investigação criminal. Além disso, o espectador tem vários outros motivos para acompanhar a série.

O enredo

Killing Eve

O roteiro de Killing Eve é, sem dúvida, a maior atração da série. Num primeiro momento, pode parecer apenas mais uma trama de gato e rato, história que já é uma velha conhecida do cinema e da televisão. Porém, só pelas protagonistas dessa trama serem duas mulheres, a situação muda de figura, já que as história clássicas de investigação são sempre protagonizadas por homens.

A dinâmica entre Eve e Villanelle ultrapassa qualquer tipo de estereótipo e rende à série a originalidade que é tão elogiada tanto pelos espectadores quanto pelos críticos.  Essa relação, que mistura atração, ódio, admiração e obsessão, é um dos pontos altos da produção.

Além disso, Killing Eve tem um estética muito bonita. Com a Europa como pano de fundo, a série traz toda a tônica clássica das histórias de espionagem que agrada qualquer fã do gênero. E podemos acrescentar ainda os figurinos impecáveis de Villanelle. Entre voos internacionais e reuniões secretas, Eve traz um olhar muito próximo ao nosso, assim como quem está assistindo, e acaba se tornando uma espectadora desse mundo tão fora da realidade do cidadão comum.

As protagonistas

Jodie Comer conseguiu criar uma vilã pela qual o espectador começa a torcer logo no primeiro episódio. A serial killer que é capaz de cometer atos inimagináveis, como por exemplo, matar uma criança que deitou no seu colo, também tem um lado cômico.

Seu sotaque russo e suas roupas totalmente extravagantes compõe uma imagem muito difícil de resistir. Não é atoa toda a tensão e desejo que acontece entre ela e Eve. Villanelle é uma vilã impossível de se esquecer.

A outra protagonista da série é interpretada pela já conhecida Sandra Oh, dona de um dos papéis mais icônicos da TV americana, a Doutora Cristina Yang na série Grey’s Anatomy. Em Killing Eve não é diferente: ela novamente é um espetáculo à parte no quesito atuação.

Diferentemente de Villanelle, Eve está muito mais próxima da perspectiva do espectador que assiste o desenrolar da história. O encontro entre as duas é construído de forma calma pela atriz, até o momento onde Eve confronta a loucura da serial killer.

Confira também: DESALMA | Conheça a série original de suspense do Globoplay

A vilã

Villanelle muitas vezes pode passar uma impressão de fragilidade, mas não se enganem: a vilã é muito habilidosa nos momentos de luta e protagoniza cenas intensas de ação durante todo o seriado.

Quando o assunto é cenas de luta e de ação, Killing Eve não deixa nada a desejar. A letalidade da vilã é um dos pontos altos da trama e deixa quem assiste espantado com a capacidade e frieza da personagem diante das situações.

Aclamação da crítica

Killing Eve é uma das séries mais aclamadas da atualidade, tanto pelos espectadores e fãs do seriado quanto pela crítica especializada. O programa já foi indicado a vários prêmios e levou algumas estatuetas para casa.

A dupla de protagonista deu tão certa que ambas já foram premiadas pelas suas atuações na série, recebendo prêmios de Melhor Atriz Dramática nos principais eventos da TV nos Estados Unidos. Sandra Oh levou o Globo de Ouro e Jodie Comer conquistou um Emmy.

As três primeiras temporadas de Killing Eve estão disponíveis no catálogo do Globoplay.

Deixe seu comentário

dois × dois =