LG | Empresa anuncia fechamento de sua divisão de smartphones

Nos últimos tempos, vários rumores surgiram afirmando que a LG estava se preparando para sair do mercado de smartphones, após sucessivos períodos de perda financeira. Porém, ontem, a empresa anunciou publicamente o fechamento de sua divisão de produtos mobile.

No anúncio, a empresa coreana afirma que a decisão foi aprovada por todos os diretores do conselho na segunda-feira. Essa foi uma ação estratégica para permitir que o foco e os esforços sejam redirecionados para divisões de maior crescimento. 

Divisão mobile da LG será encerrada.
LG anuncia oficialmente o fechamento de sua divisão de celulares. (Imagem: Divulgação/LG)

O Motivo

A seção de smartphones da LG já vinha sofrendo com prejuízos desde o ano de 2015, e só em 2020 a empresa relatou uma perda de 721 milhões de dólares. Além disso, diante da concorrência agressiva de outras companhias, a LG vinha apresentando dificuldade de lançar um aparelho que fizesse sucesso entre os consumidores. 

Porém, a coreana trouxe grandes contribuições para o desenvolvimento do mercado Android, e inovação sempre foi uma parte importante de seu portfólio. Um exemplo é o seu último smartphone lançado, o LG Wing, que possui tela giratória e um display secundário.

Ainda que muitos desses recursos não tenha caído no gosto do público, não se pode negar que a LG nunca teve medo de experimentar e trazer coisas novas aos seus produtos. 

A história dos smartphones da LG

Afirmando a ideia de inovação, a LG foi a primeira empresa do mundo a trazer um smartphone com tela touch capacitiva, em maio de 2007, ganhando a corrida com a Apple por alguns meses.

Outro sucesso foi o LG Cookie, uma alternativa mais barata na época em que os smartphones ainda estavam surgindo no mercado. Este foi lançado em 2009 e vendeu 2 milhões de unidades em 5 meses. 

Nos anos seguintes, a empresa também lançou o primeiro smartphone com processador dual-core (LG Optimus 2x) e o primeiro com processador quad-core (LG Optimus 4x HD). 

A linha Optimus, então, se tornou a linha G, que conhecemos até hoje. Um dos maiores sucessos foi o G3, de 2014, que trazia tela 1440p e sistema de autofoco a laser. Já o LG G5, lançado em 2016, foi o primeiro a trazer uma lente ultra-wide.

Um dos aparelhos mais futuristas da empresa foi o LG G Flex, também de 2014, que possuía todos os seus componentes, como tela, bateria e placa mãe, flexíveis. Um fator interessante era sua cobertura da traseira, que, quando riscada, se consertava sozinha. 

Outro mérito da empresa é ter sido uma das únicas que desenvolvia recursos direcionados ao público entusiasta de áudio, como o Quad DAC e auto falantes estéreo de alta qualidade. 

Por fim, vale lembrar que a LG também foi responsável por produzir alguns dos Nexus e o Pixel 2 XL, linhas de smartphones próprias do Google.

 

O futuro da LG

No anúncio, a LG afirma que a retirada de sua divisão mobile do mercado é parte de uma ação estratégica para redirecionar o foco para áreas de maior crescimento. Por exemplo, em componentes para veículos elétricos, smart home, robótica e inteligência artificial, além de plataformas e serviços. 

Porém, para quem já possui aparelhos da LG, o serviço de suporte e atualizações de software permanecerão por mais algum tempo, que será diferente para cada região. Além disso, o encerramento completo da divisão deverá ser realizado até dia 31 de julho deste ano. 

Caso as lojas ainda possuam estoques de celulares LG, estes poderão ser vendidos. Porém, não haverá mais produção ou lançamento de novos aparelhos. 

 

Quer ficar por dentro de todas as novidades do mundo da tecnologia e do entretenimento? Pois nos siga no Twitter e tenha  acesso em primeira mão a todas as postagens aqui do Tech News Brasil!

Fonte: LG e GSM Arena

Luiz Torrens
Formado em Jornalismo, atua como redator de notícias desde 2017 escrevendo sobre games e tecnologia. Também é Co-Fundador da Crenix Games, empresa de jogos digitais de Curitiba onde exerce uma de suas paixões: Design de Narrativas para Games.
FacebookLinkedinWikipédia

Deixe seu comentário

3 + dezesseis =