O serviço de streaming da Sony Pictures, Crackle, deixará de funcionar na América Latina

O serviço de streaming da Sony Pictures, Crackle, deixará de funcionar na América Latina

A Sony Pictures anunciou na última quinta-feira, dia 17 de janeiro de 2019, o encerrando o seu serviço de streaming, Crackle, na América Latina a partir do dia 30 de abril deste ano. A informação foi divulgada pela revista especializada em cinema, negócios e na indústria do entretenimento, Variety.

De acordo com a empresa, apesar do serviço contar com 400 mil assinantes em 17 países da América Latina após analises a companhia constatou que o serviço não é economicamente viável, sendo assim o mesmo será encerrado.

Depois de muita consideração, decidimos que o Crackle Latin America não é sustentável no atual ambiente local altamente competitivo”, escreveu Keith Le Goy, presidente mundial de distribuição de TV da Sony Pictures, em um memorando obtido pela Revista Variety.

O Crackle surgiu na América Latina em 2012, como um serviço de streaming de filmes e produções da própria Sony Pictures e de terceiro totalmente gratuito, a monetização acontecia via suporte de anúncios veiculados no programa e também por meio de parcerias que exibiam propagandas na web e dispositivos móveis.

Em 2016 a Sony trocou o modo de negócio e passou a exigir que o acesso estivesse atrelado a alguma operadora de TV por assinatura.

O anuncio é finalizado explicando que alguns dos conteúdos originais do Crackle devem seguir para outros canais da rede Sony, como Sony Entertainment Television e AXN, ambos presentes na TV por assinatura.

Fonte: Variety

0/5 (0 Reviews)

Deixe uma resposta

Fechar Menu