Os “Ovos de Cleópatra” do filme Alerta Vermelho realmente existiram?

Assistiu ao filme 'Alerta Vermelho' e ficou curioso(a) sobre os "Ovos de Cleópatra"? Descubra aqui se eles existiram mesmo!

Os "Ovos de Cleópatra" de Alerta Vermelho realmente existiram

O filme ‘Alerta Vermelho’ estreou ontem (12) no catálogo da Netflix. A produção já tinha chegado aos cinemas, na quinta-feira passada (4), o que só aumentou a curiosidade dos fãs da maior plataforma de streaming.

Se você assistiu à produção do início ao fim e ficou curioso(a) em saber se os tão mencionados “Ovos de Cleópatra” realmente existiram, não deixe de conferir esta matéria do Tech News Brasil! Só tenha em mente que há alguns spoilers do filme aidante!

O que são os “Ovos de Cleóprata” que aparecem no filme Alerta Vermelho?

Os "Ovos de Cleópatra" que aparecem em 'Alerta Vermelho' realmente existiram
Gal Gadot interpreta ‘O Bispo’ no filme mais caro da história da Netflix (Imagem: Reprodução/Netflix)

Os primeiro minutos do filme Alerta Vermelho se destinam à apresentação dos três “Ovos de Cleópatra” em uma matéria de jornal. Em conformidade com a História, Marco Antônio foi tomado por uma paixão avassaladora por Cleópatra. Porém, como não podiam ficar juntos, decidiram tirarem as próprias vidas para que pudessem passar a eternidade um ao lado do outro.

Nesse primeiro momento do longa, descobrimos que esses três valiosos ovos seriam presentes que o general romano Marco Antônio, que se apaixonou perdidamente por Cleópatra, teria dado à rainha egípcia na noite de núpcias. Esses presentes nada mais são do que três ovos adornados por joias.

Durante séculos, a história desses três ovos foi tida como mito. Entretanto, a narrativa aponta que, no ano 1907, um fazendeiro acabou descobrindo dois deles nos arredores de Cairo. A respeito do terceiro ovo, o filme conta que há diferentes boatos — uns (arqueólogos) dizem que eles realmente nunca foram encontrados, enquanto outros alegam que eles foram, mas acabaram se perdendo.

Assim, ainda nos primeiros minutos da produção, é revelado que o paradeiro do terceiro ovo de Cleópatra é um mistério. Enquanto isso, sabe-se que o primeiro ovo se encontra no Museo Nazionale di Castel Sant’Agenlo, na cidade de Roma. Por sua vez, o segundo ovo teria sido vendido diversas vezes em leilões, até se tornar parte de uma coleção privada.

Ao longo do filme da Netflix, vemos esses ovos passarem por diferentes mãos e paradeiros, pois tanto O Bispo (Gal Gadot) quanto Nolan Booth (Ryan Reynolds), os maiores ladrões de arte do mundo, têm interesse em levar os três ovos juntos a um bilionário egípcio, que deve pagar 300 milhões por eles.

Confira também:
4 lançamentos da semana para maratonar na Netflix no fim de semana

Esses ovos valiosos existiram de verdade?

Até aqui, fizemos a própria apresentação feita no filme. Mas será que os ovos dados à Rainha Cleópatra existiram mesmo na História? A resposta para essa pergunta é não. É claro que Marco Antônio e Cleópatra são personagens que realmente existiram na História como dois amantes, porém não é verdadeiro o tal presente dado à rainha egípcia na noite de núpcias do casal apresentado na história criada por Rawson Marshall Thurber.

Ao menos não existe nenhum documento histórico em que apareçam os ovos valiosos mencionados no filme Alerta Vermelho. A forma como a história é contada na trama é mesmo convincente, porém não passa de ficção. Em linhas gerais, está mais do que claro que Thurber sabe misturar fatos reais com mera ficção, a ponto inclusive ter de explicar durante as apresentações do filme que os ovos não existiam de verdade.

Até porque, não dá para negar que esses itens foram criados de maneira bastante intrigante para aumentar a riqueza do filme milionário da Netflix. Para quem se empolgou com a ideia de que poderiam haver ovos de ouro cobertos de joias por aí com o nome de Cleópatra, infelizmente a história não é verdadeira. Mesmo assim, vale comentar que joias como essa não são tão raras na história e que já circularam até mesmo como presentes de Páscoa.

Gostou de saber se os “Ovos de Cleópatra” de Alerta Vermelho realmente existiram? Pois confira também:
Vale a pena assistir ‘Alerta Vermelho’ na Netflix? Confira nossas primeiras impressões! (Sem spoilers)

Graduanda em Comunicação Organizacional na UTFPR, com experiência na área de Gestão de Pessoas e em Marketing Digital. Amante de filmes de ação com protagonização feminina e fã de café à meia-noite.

Deixe seu comentário

quatro × 1 =