Pesquisadores criam baterias de íons de lítio mais seguras

Pesquisadores criam baterias de íons de lítio  mais seguras

As baterias de lítio tem muitas aplicações importantes, mas infelizmente são indiscutivelmente instáveis e quando danificada pode resultar em um incêndio. Para eliminar este perigo pesquisadores do Oak Ridge National Laboratory e da Universidade de Rochester estão desenvolvendo  uma maneira prática e barata de tornar as baterias de íons de lítio mais seguras.

A pesquisa foi apresentada ontem, dia 22 de agosto de 2018, durante o Encontro Nacional e Exposição da American Chemical Society (ACS) em Boston, Massachusetts. O evento que reúne a sociedade científica do mundo está acontecendo entre os dias 19 e 23 de agosto e contará com mais de 10.000 apresentações em uma ampla gama de tópicos.

Em uma bateria de íons de lítio, um pedaço fino de plástico separa os dois eletrodos“, diz Gabriel Veith, Ph.D. no Oak Ridge National Laboratory “Se a bateria estiver danificada e a camada de plástico falhar, os eletrodos podem entrar em contato e fazer com que o eletrólito líquido da bateria pegue fogo“.

Como alternativa para tornar essas baterias mais seguras, a equipe misturou um aditivo composto de sílica no eletrólito convencional para criar um eletrólito resistente ao impacto, assim ele se solidifica quando atingido, evitando que os eletrodos se toquem se a bateria for danificada durante uma queda, e depois que a pressão é liberada, a substância ao estado líquido.

De acordo com os pesquisadores a incorporação do aditivo exigirá apenas pequenos ajustes no processo convencional de fabricação de baterias. O idealizador do projeto Gabriel Veith, ressaltou que planeja melhorar o sistema para que no futuro a equipe possa buscar aplicações em drones, veículos elétricos e em “armaduras” de soldados em operações militares.

No entanto ainda não existem previsões de quando as baterias de íons de lítio mais seguras vão ser implementadas aos eletrônicos de acesso do consumidor final.

Fonte: American Chemical Society (ACS) 

Deixe uma resposta

Fechar Menu