Spartacus | Sony pretende lançar serviço de assinatura de games em breve

Seguindo a prática do serviço de assinatura, que virou quase uma febre nas grandes empresas de tecnologia, a Sony pretende lançar o rival do Xbox Game Pass, ou Spartacus, como está sendo chamado.

O anúncio ainda está para ser feito e, tirando algumas pequenas informações esparsas, sabemos apenas alguns rumores e que esse anúncio mesmo deve vir nas próximas semanas, no máximo.

Se você quer saber mais sobre o que temos de informações sobre o novo serviço de streaming de jogos da Sony, continue lendo o artigo a seguir.

Apenas rumores?

Spartacus | Sony pretende lançar serviço de assinatura de games em breve

Como nada no universo da internet é segredo, e sempre tem algum vazamento de informações, sabemos algumas coisas do novo projeto da Sony para o seu serviço de assinatura.

Isso porque muitas pessoas ligadas à Sony estão comentando, pelo Twitter e outras redes, que as próximas semanas serão muito importantes e “grandiosas“ para a empresa. O que leva a crer que alguma grande atualização ou lançamento ou anúncio está para chegar.

E como o Spartacus, nome que a empresa está dando para o serviço, é um rumor bem recente que permeia a empresa de video-games, podemos concluir que é no mínimo bem provável que seja isso.

Infelizmente sim, são apenas rumores, ainda. Apesar disso, rumor bom é rumor que tem algum fundo de verdade e, assim, podemos tentar prever algumas coisas. A primeira delas é a relação entre os outros serviços já existentes da marca, o PlayStation Plus e o PlayStation Now.

Spartacus vem aí

Com poucas informações a respeito do serviço de assinatura, resta-nos especular, não é mesmo? O primeiro rumor diz respeito ao que será dos serviços que a Sony já disponibiliza para os usuários dos consoles.

O mais provável é que esses serviços, o PS Plus e o PS Now, sejam absorvidos pelo novo e mais robusto sistema. Isso provavelmente vai facilitar a vida de muita gente, até porque, quem quer ficar pagando três serviços de assinatura só para poder desfrutar de funcionalidades como jogar os jogos online.

O Spartacus competirá diretamente com o seu rival da Microsoft, o Xbox Game Pass, oferecendo títulos exclusivos para os PlayStations. Também poderá ser dividido em patamares diferentes, com promoções diferentes e até uma faixa de preço variada dependendo do seu serviço.

O serviço também fornecerá funções parecidas com os já existentes PS Plus e PS Now, incluindo a capacidade de jogar títulos online, e ofertas de jogos gratuitos de PS4 e, vindo no futuro, PS5.

Além disso, com o Spartacus também será possível acessar uma biblioteca de demos, e a possibilidade de streamar os jogos diretamente pelo sistema da PSN. Os rumores também trazem a possibilidade do serviço, nos níveis de assinatura mais altos, oferecer uma biblioteca de jogos clássicos como os títulos do PS2 ou do PSP.

O problema real com o Spartacus na verdade é a falta de contato com jogadores e comunidades de fora da panelinha da Sony. Isso nunca é uma prioridade para a empresa, que ainda aposta alto nos exclusivos, e pode significar uma competitividade já empobrecida antes de nascer, em se tratando da disputa Xbox versus PlayStation.

A jogada da empresa na verdade é transformar os serviços já presentes em algo que os usuários possam ficar super animados no lançamento. Isso acaba se voltando mesmo para a biblioteca de exclusivos que será, aparentemente, bem grande.

Também é difícil saber quanto vai sair essa brincadeira para a carteira dos usuários. Atualmente ambos serviços da Sony, o PS Plus e o Now, custam em torno de 60 dólares cada.

E isso tudo sem falar nos problemas de compatibilidade e migração dos usuários de um serviço para o outro. Será que isso será automático para os assinantes? Será que precisarão renovar a assinatura? Só o tempo dirá.

Ficou interessado no sistema de assinaturas que a empresa vai anunciar? Se quiser saber mais sobre o novo Spartacus da Sony e sobre outros temas de tecnologia e games, fique ligado no TechNews.

Fonte: The Verge

Formado em Jornalismo, atua como redator de notícias desde 2017 escrevendo sobre games e tecnologia. Também é Co-Fundador da Crenix Games, empresa de jogos digitais de Curitiba onde exerce uma de suas paixões: Design de Narrativas para Games.
FacebookLinkedinWikipédia

Deixe seu comentário

cinco + 3 =