Um Menino Chamado Natal | Conheça o livro que inspirou o filme

O filme "Um Menino Chamado Natal" estreou hoje na Netflix! Gostou do longa? Conheça o livro que inspirou seu enredo, publicado por Matt Haig.

Um Menino Chamado Natal

Desde que a Netflix começou a investir em produções originais, a plataforma de streaming tem apostado cada vez mais em adaptar livros já consagrados entre o público como uma forma de produzir filmes e séries que já tenham certo sucesso garantido. É essa a fórmula utilizada, por exemplo, no longa Um Menino Chamado Natal“, drama de fantasia que estreou hoje no catálogo da marca.

O filme, que conta com grandes nomes como Maggie Smith (Harry Potter; Downton Abbey), Jim Broadbent (Game of Thrones; Harry Potter) e Kristen Wiig (Mulher-Maravilha 1984; Missão Madrinha de Casamento) em seu elenco principal, é uma das grandes apostas da plataforma de streaming para o período de natal da plataforma, que já apresentou excelentes filmes como “Um Match Surpresa” “A Princesa e a Plebeia: As Vilãs Também Amam”.

Dessa vez, o enredo principal acompanha a jornada do jovem Nikolas, carinhosamente apelidado de “Natal”. O drama envolvente e as inúmeras referências à mitologia natalina chamaram atenção dos assinantes da plataforma para o livro que inspirou e carrega o mesmo nome do filme. Sabendo disso, o Sobre Sagas preparou uma matéria completa sobre a obra, publicada pelo autor Matt Haig em 2015.

Conheça o livro “Um Menino Chamado Natal”

Um Menino Chamado Natal: filme foi baseado em livro de Matt Haig (Imagem: Divulgação/Netflix).

Apesar de estar bastante em alta recentemente, as obras do escritor britânico Matt Haig já eram conhecidas pelas listas de bestsellers há alguns anos. Desde a publicação de sua primeira obra de ficção, intitulada The Last Family in England” (A Última Família na Inglaterra”, em tradução livre), o escritor tem demonstrado um vasto potencial estilístico em diversos romances e livros infantis.

Foi justamente no auge de sua carreira quando Haig publicou, em novembro de 2015, a primeira edição do livro Um Menino Chamado Natal”, livro que entrou rapidamente para as listas de bestsellers e ganhou tradução em mais de 40 línguas ao redor do mundo. O sucesso foi tanto que, logo em 2016, a Blueprint Pictures e a Studiocanal compraram os direitos de adaptação do mesmo, fechando uma parceria com a Netflix para a distribuição internacional do título.

O enredo do livro acompanha a história do jovem Nikolas, que viaja para o Polo Norte na tentativa de salvar seu pai desaparecido, que partiu em busca de uma suposta vila de elfos. No caminho, ele faz amizade com um troll encrenqueiro e uma rena ranzinza, mas quando finalmente chega em Elfhelm, a via de elfos, ele descobre que tudo ali corre perigo pelo fim iminente do espírito de Natal. Agora, ele irá tentar consertar todas as coisas – mas para isso, ele precisa da ajuda do pai.

Um Menino Chamado Natal: livro conta com ilustrações de Chris Mould (Imagem: Reprodução/Goodreads).

Quando publicado, o livro arrancou elogios de autores já renomados do gênero da fantasia, como foi o caso de Neil Gaiman, que disse que “Matt Haig tem uma empatia com a condição humana, a luz e a escuridão dela, e ele usa a paleta completa para construir suas excelentes histórias”.

No Brasil, o livro Um Menino Chamado Natal” foi publicado em 2020 pela Editora Ciranda Cultural e hoje ele pode ser adquirido em duas versões diferentes: uma com a capa original, com ilustrações do artista Chris Mould, e outra com a capa oficial da adaptação da Netflixonde é possível ver o ator Henry Lawfull caracterizado como o jovem Nikolas.

Capas das edições de “Um Menino Chamado Natal no Brasil (Imagem: Divulgação/Ciranda Cultural).

CONFIRA Também:
Love Hard | Conheça a nova comédia natalina da Netflix, estrelada por Nina Dobrev!

Já assistiu Um Menino Chamado Natal” na NetflixO que achou do filme? Gostaria de ler o livro que o originou? Compartilhe suas opiniões com a gente em nossas redes sociais, e para mais novidades sobre os filmes do streaming e os livros que os inspiraram, fiquem ligados aqui no Sobre Sagas!

Arquiteto e Urbanista aficionado por Cenografia e Cinema. Criador de conteúdo da área desde 2013 e apaixonado por adaptações cinematográficas, especialmente de fantasia.

Deixe seu comentário

4 × 5 =