WANDAVISION | Conheça os easter eggs presentes na série


WandaVision
já se tornou um grande sucesso do Disney+ e tem repercutido na internet desde sua estreia. A série é a primeiro produção da Marvel Studios para o streaming e o ponta-pé inicial da fase 4 do MCU.

Como todo conteúdo da Marvel já era de se esperar que a série fosse fazer referência à várias outra produções do estúdio e também aos quadrinhos. Porém WandaVision surpreendeu – e continuará surpreendendo – com easter eggs inesperados.

Pensando nisso, o TechNews o preparou uma lista com vários desses easter eggs para você não perder nenhuma referência da série. Confira abaixo:

Episódio 1 – Gravado Ao Vivo Com Plateia

A vizinha Agnes

Agnes, a vizinha interpretada por Kathryn Hahn, pode ser na verdade Agatha Harkness, uma poderosa bruxa que nos quadrinhos é uma espécie de mentora da Wanda que a ajuda a desenvolver seus poderes.

Na série, Agnes tem uma função semelhante, ensinando Wanda o que significa ser uma boa dona de casa, por exemplo.

Porta da casa

616 é o universo padrão da Marvel nos quadrinhos, enquanto o MCU é ambientado na Terra-199999. Portanto, imagina-se que 2800, número da residência de Wanda e Visão, seja a realidade em que WandaVision é ambientada.

23 de agosto

Na casa de Wanda e Visão tem um calendário com uma data marcada: 23 de agosto. Essa data é significativa já que na edição #238 de Vingadores Visão é reativado.

Toast Mate 2000

Um ponto interessante da série WandaVision são as propagandas. Na primeira delas, a propaganda de uma torradeira temos a referência às Industrias Stark.

Porém, uma parte importante é som que o aparelho faz parecido com uma bomba. O que faz lembrar o período em que Wanda e seu irmão Pietro ficaram presos por dois dias nos escombros de um prédio e só o que podiam ver era uma bomba escrito Stark.

Saudação “sokoviana”

Parece só uma piada inocente mas A saudação “sokoviana” que Wanda faz durante o jantar com o chefe de Visão pode ser uma referência a um dos poderes da heroína, de controlar mentes e ações dos outros com um gesto parecido.

Maison du Mépris 

Maison du Mépris é o vinho servido por Wanda no jantar com os Harts. Traduzido para o português significa Casa do Desprezo. É provável que seja uma referencia à Dinastia M, quadrinho em que a Feiticeira Escarlate sofre um colapso mental e tenta alterar a realidade.

Créditos finais 

Os créditos finais do primeiro episódio da série são diretamente ligados  à clássica série de comédia I Love Lucy (1951–1957). Na série Lucy e seu marido, o músico cubano Ricky Ricardo, vivem em Nova York. Sempre que ela tenta ajudar Ricky a ter êxito no “show business”, ela se envolve em alguma confusão, deixando-o maluco.

Abe Brown

Ainda nos créditos finais um dos nomes que é possível é Abe Brown, creditado como diretor. Ele foi um estudante da Midtown School of Science and Technology com Peter Parker e até apareceu no filme Homem-Aranha: De Volta ao Lar. Ele foi um dos sobreviventes ao estalo de Thanos.

S.W.O.R.D. 

Nos dois primeiros episódios aparece o logotipo da S.W.O.R.D (Departamento de Observação e Resposta de Mundo Senciente), dos quadrinhos da Marvel.

Em português a sigla é traduzida par E.S.P.A.D.A. (Equipe de Supervisão, Pesquisa, Avaliação e Defesa Alienígena) é a contraparte espacial da S.H.I.E.L.D., como seu nome bem sugere. Imaginava-se que ela seria apenas introduzida em WandaVision para ganhar mais importância na série solo do Nick Fury. Contudo, parece que ainda será relevante para a série do casal.

Confira também: LISTA | As 10 séries mais aguardadas nos streamings em 2021

Episódio 2 – Não Mude de Canal

A Feiticeira 

A abertura do segundo episódio de WandaVision é uma  homenagem à abertura de A Feiticeira (1964–1972). O enredo da série é sobre uma feiticeira que se casa com um homem mortal comum e promete levar a vida de uma típica dona de casa suburbana americana. Com grande popularidade nos Estados Unidos, a série se tornou a segunda atração mais vista no país em seu ano de estreia e a mais longa série televisiva com temática sobrenatural durante os anos 60 e 70.

O capacete na abertura

Ainda na abertura do segundo episódio quando o Visão passa pelo chão pode-se ver um capacete e um esqueleto. O que pode ser  uma referência à HQ Visão, de Tom King.

Na trama o sintozóide cria uma família para si mesmo. Porém um dia sua esposa e filhos são atacados por Grim Reaper, que os ataca para vingar a morte do irmão, Magnum.

As Joias do Infinito

Na mesma abertura, vemos seis estrelas em volta da Lua, o que pode fazer alusão às seis Joias do Infinito. Além disso, durante a apresentação de Wanda e Visão podemos ver um desenho parecido com a Joia da Mente no armário que eles usam.

No mercado 

Também na abertura, Wanda vai ao mercado e lá vemos a propaganda de um “leite Bova” e “areia de gato Auntie A”. Nos quadrinhos, Bova é uma vaca evoluída criada por uma cientista que ajudou no parto de Pietro e Wanda. Já a “Auntie A”, pode ser mais uma pista de que Agnes na verdade é Agatha Harkness.

Dormindo separados

Na cena onde Wanda e Visão estão deitados temos outra referência à sitcom I Love Lucy já que Lucy e Ricky dormiam em camas separadas devido às regras de censura quando o show foi exibido originalmente.

O helicóptero de brinquedo 

No segundo episódio Wanda encontra um helicóptero de brinquedo que é a única coisa colorida da série até então em preto e branco. As cores vermelho e amarelo remetem são as mesma usadas pelo Homem de Ferro e o brinquedo ainda conta com o logo da S.W.O.R.D.

Glamour e Ilusão 

Ao participar do show de talentos da cidade Wanda e Visão usam os nomes de Glamour e Ilusão, uma clara alusão a Glynis e Ilya Zarkov, mágicos que têm uma relação com a história do casal nos quadrinhos.

Strucker 

A propaganda do segundo episódio é a de um de relógio que traz o nome Strucker e o logo da Hydra. Baron Wolfgang von Strucker foi um líder da Hydra que fez experimentos com Wanda e Pietro.

O apicultor

Um dos momentos mais importantes do segundo episódio de WandaVision  é quando um apicultor aparece próximo à residência de do casal. Isso pode ser um indício de que o mundo real invadindo aos poucos a realidade perfeita deles.

Episódio 3 – Agora em Cores

The WandaVision Bunch!

A sitcom homenageada no terceiro episódio é The Brady Bunch (1969–1974). O enredo da série conta a história de Carol, que têm três filhos, casa-se com Mike, que também tem três filhos. Juntos, os seis são guiados pelos pais e pela governanta Alice, enquanto se à adaptam nova vida em família.

Tinta Simser

A tinta da marca Simser que aparece nesse episódio é uma referência ao artista Jeremy Simser, que está envolvido na produção de WandaVision, no filme Doutor Estranho no Multiverso da Loucura e na série da Mulher-Hulk.

Os gêmeos Billy e Tommy

Na série Wanda e Visão estão escolhendo o nome para o bebê que vai nascer e fico indecisos entre Billy e Tommy, no final das contas nascem gêmeos. Já nos quadrinhos os bebês são criados pela Feiticeira Escarlate, que altera a realidade.

Borboletas

Wanda acidentalmente dá vida a um móbile cheio de borboletas enquanto está decorando o quarto do bebê. Uma delas voa direto para Visão e acaba pousando em seu nariz.

A relação entre o inseto e Visão pode ser uma referência à explicação que  Bruce Banner faz dos planos de Ultron para evoluir usando um desenho  um dos filhos do Gavião Arqueiro faz de uma borboleta em Vingadores: A Era de Ultron.

​Sabonete da Hydra

A propaganda do terceiro episódio é uma referência direta  à Hydra, porém o que é dito no comercial também é muito importante: “Precisa de uma pausa? Venha comigo. Fuja para um mundo todo seu, onde seus problemas desaparecem. Quando você quer fugir, mas não quer sair do lugar: Sabão Hydra, descubra sua deusa interior“. É uma descrição muito precisa da situação de Wanda na série.

Os três primeiros episódios de WandaVision já estão disponíveis no Disney+.

Deixe seu comentário

dois + nove =