Como configurar senha no Android? Biometria e padrões

É muito importante ter uma senha configurada para o seu dispositivo Android. Isso evita, por exemplo, que alguém mexa no seu celular sem a sua permissão, além de proteger suas informações, senhas e dados caso seu celular seja roubado.

Há vários padrões de senha no Android, como vamos ver adiante. Entretanto, caso seu celular não tenha nenhuma, recomendamos fortemente que você coloque agora. Isso pode evitar muita dor de cabeça no futuro.

Android senha
Imagem de Arthur Bowers por Pixabay

Alguns usuários optam por não colocar senha porque acham chato ter que digitá-la toda vez que for usar o celular. Entretanto, com o tempo você acostuma e faz praticamente no automático.

Portanto, sem mais de longas, configura a seguir os tipos de senha disponíveis no Android e aprenda a colocar senha no seu smartphone ou tablet agora mesmo!

Tipos de senha disponíveis no Android

Há uma série de padrões de senhas disponíveis no Android. Cada uma tem sua vantagem.

Por exemplo, algumas priorizam a rapidez para se acessar o celular. São, portanto, senhas rápidas e fáceis de se fazer. Entretanto, elas diminuem um pouco a proteção, já que outra pessoa pode facilmente imitar.

Outras senhas, entretanto, priorizam a segurança em detrimento da rapidez. Ou seja, você vai levar mais tempo para desbloquear seu smartphone, mas ele vai ficar muito mais protegido. É o caso, por exemplo, das senhas numéricas.

Sem mais delongas, confira a seguir cada um dos tipos de senha do Android e as vantagens e desvantagens de cada uma.

Bloqueio padrão (desenho)

A senha mais comum e utilizada, sendo considerada muitas vezes a senha padrão, é a de desenho. Neste tipo de senha, o usuário fazer algum desenho, ligando os pontos, em um espaço de 3×3.

Tipos de senha para o Android
(Captura: Alexandre Garcia Peres/Tech News Brasil)

Esse é um dos métodos mais rápidos de se desbloquear o seu smartphone. Entretanto, ele não é muito seguro, já que qualquer pessoa pode ver você fazendo o desbloqueio e imitar depois.

Bloqueio de PIN

Já o bloqueio de PIN, por sua vez, envolve a digitação de um PIN numérico. O PIN pode ter entre 4 e 16 dígitos. Quanto mais números você colocar, mais difícil vai ser de alguém acessar seu smartphone. Entretanto, vai levar mais tempo para você desbloqueá-lo.

Tipos de senha para o Android
(Captura: Alexandre Garcia Peres/Tech News Brasil)

Entretanto, é muito importante não colocar senhas numéricas muito fáceis. Como, por exemplo, “1234567” ou “1111111”. Procure sequências numéricas difíceis e pouco previsíveis. Nada, portanto, de datas de aniversários.

Bloqueio por senha

O bloqueio por senha é semelhante ao bloqueio por PIN. Entretanto, em vez de uma sequência de números, o bloqueio por senha envolve números e letras.

Tipos de senha para o Android
(Captura: Alexandre Garcia Peres/Tech News Brasil)

Crie, portanto, uma senha que envolva combinações de números e letras. Evite, entretanto, senhas muito óbvias, como o seu nome, o nome do seu animal de estimação etc. É importante que seja algo que só você saiba.

Bloqueio por biometria

Em alguns celular mais recentes, você também tem a opção de bloqueio por biometria. Nesse caso, o celular é desbloqueado pela leitura de sua impressão digital.

Entretanto, o método não é tão seguro quanto parece. Afinal, se até o sistema de biometria do governo às vezes falha, quem dirá a biometria de um smartphone. O método é indicado para aqueles que querem agilidade na hora de desbloquear seus smartphones.

Entretanto, ainda é preciso cadastrar um tipo de senha secundária, para o caso de a biometria falhar. Após três tentativas fracassadas de se desbloquear o smartphone pela digital, a senha secundária é solicitada.

Bloqueio por reconhecimento facial

Por fim, outro tipo de bloqueio, também exclusivo de celulares mais modernos, é o de reconhecimento facial. Esse tipo de desbloqueio usa a câmera frontal do seu smartphone para analisar e reconhecer seu rosto. Basta, portanto, apontar o smartphone para o seu rosto.

Ao cadastrar esse tipo de bloqueio pela primeira vez, você vai precisar apontar a câmera para o seu rosto. Faça isso em um ambiente bastante iluminado, para evitar que a leitura seja mal feita.

Além disso, você também vai precisar cadastrar um segundo tipo de bloqueio para o caso de o reconhecimento facial falhar. Esse é um método recomendado para aqueles que querem agilidade, mas sem abrir mão da segurança.

Como cadastrar/configurar uma senha no Android

Agora que você conheceu os tipos de padrão de bloqueio do Android e já escolheu o seu preferido, confira o passo a passo abaixo para cadastrar/configurar uma senha no Android.

Entretanto, é importante ressaltar que os passos podem estar levemente diferentes em seu smartphone. Isso porque os nomes e ícones mudam um pouco de uma versão do Android para outra. O método, porém, é praticamente o mesmo.

Além disso, geralmente, ao iniciar o smartphone pela primeira vez ao comprá-lo, o Android já solicita que o usuário cadastre um tipo de senha para o desbloqueio. Esse método também vale para aqueles que já possuem um padrão de bloqueio, mas que desejam alterar.

Passo 1. Primeiramente, abra as configurações do seu dispositivo Android. O nome pode aparecer, por exemplo, como “configurar”, “configurações”, “ajustes” etc.

Como cadastrar/alterar a senha do Android
(Captura: Alexandre Garcia Peres/Tech News Brasil)

Passo 2. Em seguida, acesse a parte de configurações de segurança. O nome também pode variar. No meu smartphone, ela aparece como “senhas e segurança”.

Como cadastrar/alterar a senha do Android
(Captura: Alexandre Garcia Peres/Tech News Brasil)

Passo 3. Depois, vá na aba de bloqueio de tela e selecione a opção “senha”. Ela também pode aparecer como “configurações de bloqueio” ou algo semelhante.

Como cadastrar/alterar a senha do Android
(Captura: Alexandre Garcia Peres/Tech News Brasil)

Passo 4. Se você já tiver uma senha cadastrada, o Android vai solicitar que você a insira. Isso serve para evitar que outra pessoa mude a senha do seu dispositivo sem a sua permissão.

Passo 5. Em seguida, selecione o que você deseja fazer. Você pode tanto cadastrar/desativar seu bloqueio quanto alterá-lo para outro.

Como cadastrar/alterar a senha do Android
(Captura: Alexandre Garcia Peres/Tech News Brasil)

Passo 6. Por fim, caso escolha cadastrar/alterar o bloqueio, simplesmente selecione o desejado e configure-o de acordo com o escolhido. Muito cuidado, entretanto, para não o esquecer!

Como cadastrar/alterar a senha do Android
(Captura: Alexandre Garcia Peres/Tech News Brasil)

Pronto! Você cadastrou com sucesso um tipo de bloqueio para o seu dispositivo Android!

Editor, redator e revisor da WebGo Content, graduado em Letras – Português/Inglês. Tem experiência com redação e revisão de textos para Web. Apaixonado por poesia, literatura, games, tecnologia e gatos.
FacebookLinkedin

Deixe seu comentário

vinte − 5 =