Documento digital de veículos (CRLVe) começou a ser implementado

Documento digital de veículos (CRLVe) começou a ser implementado

O Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV)  na versão digital (ou CRLVe) começou a ser implementada e disponibilizada para motoristas, inicialmente para o estado do Distrito Federal, na última segunda-feira, dia 27 de agosto de 2018. A tecnologia está sendo implementada pelo Ministério das Cidades por meio do Departamento de Trânsito (DETRAN) de cada estado de maneira gradual.

O documento CRLV digital traz todas as informações do documento impresso, além de um QR Code, que pode ser lido para averiguação de falsificação no documento durante uma abordagem de trânsito.

O sistema com o CRLV digital deve estar disponível para todo o país até o final deste ano. O Departamento Nacional de Trânsito (DENATRAN) disponibiliza uma lista, em seu portal de serviços, com os dados de habilitação por estado da CNH Digital e do CRLV Digital.

De acordo com o comunicado oficial do Ministério das Cidades “o documento digital será disponibilizado no mesmo aplicativo da Carteira Nacional de Habilitação digital (CNHe), sistema operacionalizado pelo Serpro desde outubro de 2017. Também será possível baixar o arquivo em formato PDF, com assinatura digital, para ser utilizado em alguma necessidade onde se exija um documento autenticado”.

Como o aplicativo irá armazenar os dois documentos o Serpro (entidade responsável pelo desenvolvimento e manutenção) mudou o nome do aplicativo para Carteira Digital de Trânsito.

Para obter o CRLV Digital, o proprietário do veículo tem que ter pago o licenciamento do veículo de 2018 e o DETRAN de registro do automóvel tem que já ter aderido à tecnologia. O documento estará disponível para acesso através do aplicativo “Carteira Digital de Trânsito” acessível na App Store e Google Play.

Os proprietários que já possuem o aplicativo antigo devido a utilização do CNHe , só precisaram  atualizar para a versão nova e inserir o número do Renavam do veículo e o código de segurança do Certificado de Registro de Veículo (CRV antigo DUT) na ferramenta para disponibilização do documento.

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), o motorista que for parado sem o documento (impresso ou digital) comete infração gravíssima, pode receber multa de R$ 293,47, sete pontos na carteira (CNH), além de ter o veículo apreendido no local.

Lembrando que o documento digital de veículos tem o mesmo valor legal do CRLV impresso, que continua sendo de emissão obrigatória.

Fontes: Auto esporte (G1), Ministério das Cidades e Portal de serviços DENATRAN

0/5 (0 Reviews)

Deixe uma resposta

Fechar Menu