O que é o PIX: a democratização do sistema financeiro

Lançado oficialmente na última segunda-feira (16), o PIX começa a funcionar totalmente em todo território nacional. Com isso, o novo método de pagamento instantâneo já pode ser usado por quem faz o cadastro.

Ao todo, mais de 30 milhões de pessoas já estão cadastradas, e mais de 71 milhões de chaves foram registradas.

Mas o que de fato é o PIX? Como ele funciona e quais os benefícios que ele traz para o sistema financeiro?

PIX
Saiba o que é e como funciona o PIX (Imagem: Divulgação/Banco Central)

O que é PIX?

Em resumo, o PIX é o novo sistema de pagamentos instantâneos desenvolvido pelo Banco Central. Com isso, o objetivo é substituir transferências como o TED (Transferência Eletrônica Disponível) e DOC (Documento de Ordem de Crédito).

Dessa foram, por meio do PIX, o usuário consegue realizar uma transferência bancária em poucos segundos.

E isso vale tanto para transferências entre bancos quanto para pagamentos em diferentes instituições financeiras. Sendo assim, você pode transferir dinheiro para outra pessoa, realizar o pagamento de uma compra ou conta, tudo por meio do PIX

Como os pagamentos são feitos

Mas como os pagamento são feitos com a nova ferramenta do Banco Central? Como os valores são transferidos?

Para que esse tipo de pagamento seja feito, seja em transferências ou pagamentos, o PIX utiliza dois métodos.

Primeiramente, para transferências entre instituições financeiras, o processo é feito através dos aplicativos. Para isso, o usuário utiliza uma das chaves cadastradas.

Por outro lado, no caso de pagamentos em lojas físicas, é preciso utilizar um QR Code, gerado pelo aplicativo do usuário. Dessa forma, basta que o caixa realize a leitura do código.

O que são as chaves?

E o que seriam as chaves PIX? Assim como o QR Code gerado por aplicativo, as chaves são uma forma de registrar o pagamento ou transferência.

Ou seja, elas são uma forma de registrar quem realizou a transferência, e de qual instituição financeira o pagamento foi feito.

Dessa forma, as chaves substituem a necessidade de digitar números de agências ou contas bancárias, CPF ou CNPJ. Todo o processo de transferência é feito através das chaves. Dentre os tipos de chave, estão:

  • CPF;
  • Número de telefone;
  • E-mail;
  • Combinação numérica aleatória.

Mas vale lembrar que existem um limite para o registro de chaves. Ao todo, cada pessoa física pode registrar apenas 5. No caso de empresas – pessoas jurídicas – o limite é de 20 chaves.

Ao todo, pessoas físicas podem registrar até 5 chaves PIX (Imagem: Divulgação)

Além disso, para chaves como CPF e número de telefone o registro só pode ser feito em apenas uma conta bancária.

Para saber como criar a sua chave PIX, você pode conferir este artigo exclusivo, onde mostramos como fazer todo o processo.

As vantagens do PIX

Mas quais são as vantagens que o PIX apresenta? Quais os diferenciais desse método de pagamento em relação aos demais?

Em resumo, com o PIX, o usuário tem muito mais liberdade, disponibilidade e facilidade para realizar pagamentos.

Isto é, com o PIX é possível fazer pagamentos a qualquer hora do dia, a qualquer dia da semana, mesmo em feriados e finais de semana.

Além disso, com o novo método de pagamento, há muito menos burocracia para realizar uma transferência. Com isso, é possível dizer que o método é, de fato, a democratização do sistema financeiro

A democratização do sistema financeiro

Isto é, com o PIX, além de não pagar para fazer transferências, os usuários contam com uma maior inclusão digital.

Não é mais necessário ir até uma agência bancária para fazer um pagamento ou transferência. Somente neste ano, em decorrência da pandemia do coronavírus e do pagamento do Auxílio Emergencial, mais de 100 milhões de poupanças sociais digitais foram abertas.

Com isso, há uma inclusão muito maior de um público de baixa renda em meio aos métodos de pagamento online.

A nova solução de pagamentos, aliás, também é muito mais segura, já que substitui os pagamentos em dinheiro.

 

Aproveite para conferir outras novidades no blog Tech News Brasil. Aqui você fica por dentro de todas as notícias e atualidades do mundo da tecnologia!

Guilherme Montiel
Redator da WebGo Content. Especialista em comunicação para internet, com experiência de 04 anos em SEO e Marketing Digital. Apaixonado por tecnologia, comunicação, música e games.

Deixe seu comentário