Golpes e fraudes no Pix: saiba como evitá-los

Os golpes e fraudes no Pix estão se tornando cada vez mais comuns. Apesar de novo, o novo método de transferência já vem sendo usado por criminosos para práticas de crimes.

Mas quais são os golpes e fraudes no Pix? Confira neste artigo as principais práticas criminosas envolvendo a ferramenta e como fazer para não cair nelas.

Golpes e fraudes no Pix
Golpes e fraudes no Pix: saiba o que são e como se proteger (Imagem: Reprodução / Unsplash)

Golpes e fraudes no Pix

O registro dos golpes e fraudes no Pix vem sendo feito pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban). O órgão, recentemente, divulgou quais são as principais tentativas de golpes usadas por criminosos.

Assim, o intuito é fazer com que os usuários da ferramenta possam identificar quando estão sendo vítimas dessa tentativa.

Em suma, a técnica dos golpistas consiste em práticas para enganar o indivíduo, fazendo com que ele forneça algumas informações pessoais, como senha e outros dados bancários, por exemplo.

Clonagem do WhatsApp

Dessa forma, um dos meios mais comuns de aplicação de golpes e fraudes no Pix é com a clonagem do WhatsApp da vítima. Para isso, os criminosos se passam por alguma empresa em que a pessoa tem algum cadastro.

Em seguida, solicitam a confirmação de um código enviado via SMS e, com isso, conseguem clonar a conta do usuário. Logo depois, os criminosos passam a enviar mensagens para outros contatos, pedindo dinheiro emprestado por transferência via Pix.

Engenharia social com WhatsApp

Outra forma bem comum de golpe usando o WhatsApp é quando o criminoso se passa pela vítima, mas, para isso, usa outro número.

A técnica consiste em pegar uma foto e algumas informações de contato da vítima e se passar por ela, com um novo número. Assim, os golpistas tentam enganar a família e os amigos, dizendo estar em uma situações de emergência.

Golpe do falso funcionário

Semelhante ao primeiro, o gole do falso funcionário, ou centrais telefônicas e outra instituições, é quando o golpista oferece auxílio ao cliente no cadastro de chave Pix.

Para isso, o criminoso diz que o usuário precisa fazer um teste com sistema de pagamento. Dessa forma, o induz a realizar uma transferência bancária.

Golpe do bug do Pix

Por fim, outro dos tipos de golpes e fraudes no PIX é o bug do Pix. Nesse caso, e criminoso age através da uma promessa de ‘dinheiro fácil’.

Assim, por meio de mensagens ou vídeos compartilhados nas redes sociais, os bandidos dizem que, graças a uma falha do sistema, é possível ganhar o dobro de dinheiro transferido para uma chave aleatória.

Contudo, ao fazer isso, a vítima está apenas enviando dinheiro para os criminosos.

PIX
Aomo identificar golpes e fraudes envolvendo o Pix (Imagem: Divulgação/Banco Central)

Como identificar golpes e fraudes envolvendo o Pix

Agora que você já sabe quais são os tipos de golpes e fraudes no PIX, resta saber como identificar a prática e evitar prejuízos.

Em primeiro lugar, nunca compartilhe informações pessoais e dados bancários. Nenhuma instituição financeira solicita esse tipo de dado em qualquer processo.

Na dúvida, procure sempre ligar para a central de atendimento do seu banco. Mensagens e e-mails suspeitos também devem ser considerados aqui.

Em hipótese alguma exponha ou compartilhe qualquer tipo de informação que possa dar acesso a alguma conta bancária.

Dicas para proteger seus dados

Uma das primeiras atitudes a se tomar para evitar golpes e fraudes no PIX é adicionar novas camadas de proteção ao seu smartphone. A autenticação de dois fatores, especialmente no WhatsApp, já é de grande ajuda.

Além disso, você também pode fazer uso apenas de chave aleatória para solicitar e fazer transferência. Assim não é necessário compartilhar dados como CPF, número de telefone ou e-mail, que são os demais tipos de chave Pix.

Por fim, procure sempre usar apps e sites oficiais de bancos e serviços de pagamento. Confira e tenha certeza de que você está sempre no local certo antes de inserir suas informações.

 

Quer ficar por dentro de todas as novidades do mundo da tecnologia e do entretenimento? Pois nos siga no Twitter e tenha acesso em primeira mão a todas as postagens aqui do Tech News Brasil!

Redator da WebGo Content. Especialista em comunicação para internet, com experiência de 04 anos em SEO e Marketing Digital. Apaixonado por tecnologia, comunicação, música e games.
InstagramLinkedinTwitter

Deixe seu comentário

3 × 1 =